Taynara da Silva, do biatlo, Time Brasil - Valter França/COB

A terceira edição dos Jogos Olímpicos de Inverno da Juventude vai reunir 1.872 atletas, de 79 países, a partir desta quinta-feira (9), em Lausanne (Suiça). Doze brasileiros vão representar o país em seis das 14 modalidades: curling, esqui cross-country, biatlo, snowboard cross, monobob e skeleton. A abertura do evento será amanhã, a partir das 16h (horário de Brasília), com transmissão ao vivo pelo Olympic Channel

As competições começam na sexta-feira (10) e prosseguem até 22 de janeiro. De acordo com o Comitê Olímpico Internacional (COI), o número de participantes este ano cresceu aproximadamente 40% em relação ao total de atletas inscritos nos Jogos de 2016, realizados na cidade Lillehammer (Noruega). O maior número de competidores é da anfitriã Suíça (112), em segundo lugar aparecem os russos (107), e os norte-americanos (96) formam a terceira maior delegação.

Uma da principais novidades na edição de Lausanne 2020 é que, pela primeira vez na história do evento, haverá igualdade de gênero nas disputas de todas as modalidades.

Atletas brasileiros

Nesta quarta-feira (9) o Time Brasil realizou o primeiro treino em Lausanne. Taynara da Silva, de 17 anos, atleta do biatlo – modalidade que combina esqui cross country e tiro esportivo – pôde testar a pista do Les Tuffes Nordic Center, onde serão realizadas as disputas da modalidade no próximo sábado (11).

Taynara também integra as equipes do esqui cross-country e do curling, também chamado de ‘xadrez do gelo’, um dos esportes de  inverno mais conhecidos do público brasileiro. A equipe verde e amarela do curling conta também com Gabriela Rogic Farias, Leticia Cid, Vitor Melo e Michael Velve.

O esqui cross-country é um esporte de resistência que reunirá o maior número de brasileiros: além de Taynara da Silva, o país será representado por Eduarda Ribera, Manex Silva e Rhaick Bonfim.

Na modalidade bobsled, conhecida como Fórmula 1 do Gelo, o representante nacional será Gustavo Ferreira que vai competir na categoria monobob (trenó individual).

Larissa Cândido e Lucas Carvalho vão competir no skeleton, uma das modalidades mais radicais dos Jogos Olímpicos de Inverno:  o atleta se lança em um trenó e desce deitado sobre ele, em alta velocidade, com a cabeça próxima à pista.

Na prova de snowboard cross – única prova sobre prancha no lugar de esqui –  a delegação brasileira conta com Noah Bethonico, de apenas 15 anos. No ano passado, ele ficou em 18º lugar no Mundial Júnior de snowboard cross, em Reiteralm (Áustria).

Confira abaixo as data e horários das competições com brasileiros:

Biatlo: 11, 12, 14 e 15 de janeiro, a partir das 14h30*, no Les Tuffes Nordic Center.

Curling: Equipes mistas de 10 a 16 e duplas mistas multinações de 18 a 22, a partir das 14h, no Champéry Curling Arena.

Esqui Cross Country: 18,19, 21 e 22 de janeiro, no Vallée de Joux Cross-Country Center.

Monobob: 19 e 20 a partir das 18h*, no Olympia Bob Run de St. Moritz.

Skeleton: 19 e 20 a partir das 16h*, no Olympia Bob Run de St. Moritz.

Snowboard cross: 20 e 21 de janeiro a partir das 15h*, no Villars Winter.

*Horário de Brasília

Fonte: Agência Brasil-EBC

COMENTAR

Por favor comente aqui
Por favor informe seu nome