Divulgação/Prefeitura de Cotia

O Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos da Vida – Casa de Apoio da Granja Viana, mantido pela Prefeitura de Cotia, por meio de um convênio com Organização da Sociedade Civil (OSC), segue com atividades remotas por conta da pandemia da Covid-19. O local atende crianças e adolescentes de famílias cadastradas nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS’s) Recanto Suave, Mirizola e Caputera. No período pré-pandemia, o convênio garantia o transporte para as crianças do CRAS Mirizola e Caputera frequentarem a OSC.

Com a necessidade de afastamento social, para evitar o risco de contaminação pelo novo Coronavírus, a entidade adequou as suas atividades para não interromper o atendimento aos assistidos e garantir a continuidade do vínculo estabelecido. “A pandemia impôs diversos desafios sanitários, econômicos e sociais. Todos tivemos que nos adequar a este momento e o trabalho feito pelas parcerias que mantemos e a equipe da OSC é fundamental para minimizar o impacto da pandemia na vida das crianças e dos adolescentes neste período de distanciamento”, disse Mara Franco, Secretária de Desenvolvimento Social e responsável pelo convênio com a OSC.

As atividades remotas estão sendo realizadas por grupos do WhatsApp, onde cada monitor apresenta atividades e acompanha o desenvolvimento dos participantes. Nestes grupos são trabalhados temas como: cidadania, lógica, incentivo à leitura, artes e musicalização.

Para superar a dificuldade que alguns participantes têm de conectividade, ou não dispõem de equipamentos para acesso, os monitores preparam atividades impressas (apostilas) que são entregues às crianças e adolescentes. Todo mês, cada uma das famílias dos jovens participantes recebe a visita de uma assistente social, respeitando todas as medidas de segurança sanitária. Também há acompanhamento remoto com psicóloga.

Fonte: Prefeitura de Cotia.

COMENTAR

Por favor comente aqui
Por favor informe seu nome