Estão abertas as inscrições para o Festival de Música 100 anos de Rádio no Brasil. O festival reúne duas das emissoras mais tradicionais do país: a Rádio Nacional e a Rádio MEC. As inscrições começam nesta segunda-feira, a partir das 18h.

Artistas da música de todo o Brasil podem se inscrever gratuitamente na página do festival

Categorias

O Festival de Música 100 anos de Rádio no Brasil está dividido em cinco categorias: Prêmio Rádio MEC de Melhor Música Clássica; Prêmio Rádio MEC de Melhor Música Instrumental; Prêmio Rádio MEC de Melhor Música Infantil; Prêmio Rádio Nacional de Melhor Música Popular; e Prêmio Rádio Nacional do Alto Solimões de Melhor Música Regional.

Cada músico pode inscrever até dois trabalhos por categoria.  A regra é que as músicas sejam inéditas e em português, mas, para o Festival da Nacional do Alto Solimões, há uma exceção: moradores da região e da Tríplice Fronteira podem inscrever canções também em espanhol e em diferentes idiomas indígenas.

Segundo o regulamento, a seleção das músicas vai levar em conta a qualidade artística da obra (música, letra, partitura e interpretação), a originalidade e a qualidade da gravação.

Hora de decisão e música nas rádios

Depois de inscritos, os artistas vão entrar não só no “modo expectativa”, mas também numa fase divulgação nas rádios EBC de acordo com o perfil da música classificada. A comissão julgadora vai selecionar, até o dia 25 de setembro, 100 músicas classificadas. A terceira etapa é a escolha dos semifinalistas por parte do público via internet. Os ouvintes e internautas poderão apreciar e votar nas músicas entre 11 e 31 de outubro.

Para definir os 15 finalistas (três por categoria), a comissão julgadora escolhe, em cada prêmio, duas outras músicas por categoria (dez, ao todo) que se juntam às cinco escolhidas pelo público (uma de cada categoria). As músicas semifinalistas serão divulgadas no site do festival em 11 de outubro e as finalistas, no dia 1º de novembro.

As músicas vencedoras serão divulgadas no dia 6 de dezembro em um show na Sala Cecília Meireles, no Rio de Janeiro.

Exposição

De acordo com o gerente da Rádio MEC e coordenador do festival, Thiago Regotto, o evento tem o propósito principal de abrir espaço na programação das rádios de forma democrática, de forma que artistas possam fomentar a produção musical brasileira. “O músico ganha uma janela de exposição que possibilita a projeção de carreiras. A gente acompanha músicos que começaram com a gente que fizeram caminhos lindíssimos. Para a gente, é muito especial”, afirma.

O gerente da Rádio MEC entende que o festival conjunto das rádios vai possibilitar a conexão de músicos brasileiros de todo o território nacional.  “A final será no Rio de Janeiro, onde o rádio começou. Vamos trazer músicos do Brasil inteiro para se encontrar em um show na final para fazer um grande painel, colorido e diverso da música brasileira que é uma vocação da comunicação pública”.

Fonte: Agência Brasil-EBC